RSS Feed

Monthly Archives: Agosto 2008

Entrevistando – Banda Target (RJ)

Dando seguencia ao Audio Bar no site http://www.oceaniarock.com aqui está a integra da entrevista feita com a banda Target do Rio de Janeiro.

Freak: A banda Target é nova no cenário, formada em 2007 e já conquistou um espaço na cena alternativa. O que é a Target? Como surgiu o nome?

Douglas: A target é uma banda que tem o objetivo de levar seu som aos ouvidos de muitas pessoas. O nome surgiu de uma conversa entre a guitarrista e a vocalista, elas estavam procurando um nome para a banda até que a Herika nossa guitarrista, disse que tinha um termo que ela usa muito na faculdade que “target” então a galera curtiu o nome e ficou Banda Target!

Freak: Quem é a Target e o que cada um faz na banda?

Douglas: O target é tudo o que fazemos, é a banda é o som, são os shows e etc.

Na banda temos Douglas Lopes no vocal e xilofone, Mayara Alves no vocal e maracás, Herika Ferreira na Guitarra, Luan Camelo na Bateria e Igor Santana no baixo.

O Igor saiu da banda mais ainda estamos à busca de um (a) baixista que se encaixe, então, achamos melhor por ainda o nome do Igor nessa entrevista.

Freak: Vocês utilizam dois vocais e também uma série de diferenciais como xilofone e maracás, mas qual serie realmente o diferencial mais marcante da banda?

Douglas: Nós tentamos ao máximo deixar tudo na banda bem diferente pra não haver aquele velho e chato lance de rotulagem. Mas, sem dúvidas o que há de mais diferente na banda é o Xilofone mesmo, a galera sempre fica com aquele olhar curioso ao ver um instrumento diferente no palco e ficam observando bem até eu pegar ele e fica todo mundo com aquela cara tipo “o que ele vai fazer com isso?” até que eu pego, toco e depois vem gente falar “nossa, aquela coisa que você usa naquela música lentinha é bem legal e diferente hein, o que é aquilo?” então, se dúvidas o xilofone é o grande diferencial da banda!

Freak: Quais são as maiores influências da Target?

Douglas: Putz, na banda, todo mundo tem um gosto, os mais próximos são os meus, da Herika e da Mayara, nós gostamos muito de Leela, CSS, Columbia e eu gosto bastante de MPB. Já o Luan curte um som mais pesado, tipo, Korn, Slipknot… Mais tem uma coisa que todo mundo gosta, nem que seja um pouco mais a unanimidade entre nós é Los Hermanos, todo mundo da banda curte nem que seja umas 2 músicas.

Freak: Vocês me pareceram muito jovens, quais as idades dos integrantes?

Douglas: Somos jovens sim… A mais velha é a Herika que tem 20 anos, Mayara faz 17 em 11 de setembro, eu e Luan com 17.

Freak: Como andam os projetos de vocês? Alguma novidade para o final do ano ou para 2009?

Douglas: Opa, projetos! Adoramos essa palavra. Pois bem, de maio a julho desse ano nós estávamos em estúdio gravando nosso primeiro CD que infelizmente ainda não foi lançado mais pretendemos lançá-lo entre setembro e outubro de 2008. Em 2009 queremos fazer muitos shows, divulgar bem o disco e torcer pra vir muitas novidades boas.

Freak: Como anda a agenda de shows?

Douglas: Estamos meio parados de shows, inclusive desde que a banda começou, o tempo que mais tivemos “folgas” foi de maio até agora, por causa das coisas do CD. Mas, estamos com um show que até agora pra gente, tem sido o show mais importante pra gente em 2008. Ele vai acontecer no dia 21 de setembro no Santana Hall em São Paulo com Fresno, Strike, Matanza, 35 mls, Granada e mais 2 bandas.

Esperamos todos os paulistas lá hein, cantando nossas músicas que fazendo do nosso primeiro show em São Paulo o melhor da nossa história!

Freak: Como foi dividir o palco com bandas que vocês admiram?

Douglas: Nossa, muito bom, foi ótimo o show com o Luxúria, ver a Meg sair do camarim e cantar com agente. Mais sem dúvidas o melhor show de abertura que fizemos foi com o Leela, é muito boa à sensação de saber que daqui a pouco, sei ídolo estaria pisando naquele lugar. E o melhor é, depois você assistir uma entrevista e ver eles falando que curte o som da sua banda.

Freak: Os que os inspiram a compor?

Douglas: Cara, muitas coisas me inspiram a compor. Normalmente, se eu tenho uma frase eu escrevo e depois junto com outra, ou escrevo uma letra e levo pro estúdio, e lá agente vê se aquilo ali dá música, se der, que bom, se não der, parte pra outra, inspiração é o que não me falta.

Freak: Como vocês vêem o cenário do rock no país, vocês conhecem bandas além das suas fronteiras?

Douglas: Eu vejo o cenário do rock no Brasil muito fechado. Acho que as gravadoras deveriam abrir mais espaço para bandas, a Som Livre fez um selo muito bacana que inclusive lançou o disco da Primadonna, foi genial. Mais eu acho também que além de lançar novas bandas às gravadoras podiam lançar coletâneas de bandas independentes. A cena no Brasil ta muito fechada e eu acho que agente podia reverter esse caso. Ta difícil pra todo mundo e mesmo assim corremos atrás. É como diz aquele velho ditado “Quem tá no rock é pra se fuder!”

Freak: O que acham de intercâmbio musical?

Douglas: Eu acho muito legal, porque você tem a oportunidade de conhecer outras pessoas e conquistar novos fãs. Acho muito legal!

Freak: Qual a mensagem que a banda quer passar ao público?

Douglas: Nós não temos essa de é isso, isso e isso que eu quero falar nessa música. Eu escrevo e se sair uma mensagem boa, ótimo!Eu quero é que as pessoas ouçam nossas músicas e curtam, se ela tira uma mensagem boa daquela música pra ela, que bom, fico satisfeito. Até porque as pessoas interpretam muitas coisas de uma forma e outras pessoas de outra forma. Então não gosto muito de explicar o sentido.

Freak: Gostaria de agradecer e deixar um espaço aberto para encerrarem.

Douglas: Queria agradecer a Freak Butterfly, a OceaniaRock, a toda a galera que nos acompanha, a todo mundo que aparece no nosso fotolog, que vem nos elogiar, que vem nos criticar e é isso ae!
Lets go galera, ainda temos muita estrada pela frente, e isso é só o começo!
Queria pedir pra galera ouvir nosso novo single “Queda” no nosso my space!

Participem da nossa comunidade no orkut e é isso!

Quer conhecer a banda?

Acessem:

http://www.myspace.com/targetmusic

Acredite em si mesmo!
















Sei que ando meio sumida, mas há uma série de coisas acontecendo, ou não acontecendo e percebi que no final das contas, nada na vida é como você planeja.

Ontem ouvi a pessoa que menos esperava ouvir que eu não tinha capacidade de ser uma fotografa, acho que muitos de vocês aqui sabem o quanto amo fotografia, o fato era, ontem me senti desmotivada a fazer outro curso sobre tal arte.

Hoje, porém, acordei pensativa e disse a mim mesma: acredite em si mesma!

O que quero dizer a vocês queridos leitores é, acreditem em si mesmos, se agente não se achar algo, quem irá achar?

Então se você acreditar, se você desejar, você pode mais. Passe confiança a outras pessoas, não se mostre abalado ou inseguro.

Seja na vida pessoal, profissional, seja no sexo, mostre segurança de que é capaz de executar as coisas.

Pode ser que eu não tenha talento pra ficar por ai fotografando celebridades nem algo do gênero, mas adoro fotos, é minha paixão, assim como escrever, mas sei que um dia eu dou a volta por cima e provo, não para os outros, mas para mim mesma que eu sou!

E o mais importante: Não se deixe abalar pelo que os outros falam, as pessoas sempre tem algo a nos dizer, sejam boas ou ruins, basta você crer no que é melhor pra você e acreditar!

Confie em si!

Freak Butterlfy.

Os Mistérios do Ponto C – Final

Olá caros leitores, hoje iremos encerrar com a matéria do sexólogo Ian Kerner na revista NOVA sobre os mistérios e prazeres do ponto C.

 

Pergunta: Minha namorada só chega lá com a penetração se estimulo o botão do amor ao mesmo tempo. É normal?

Resposta: Sim! “Eu também acreditava que o ‘jeito certo’ de um casal chegar ao orgasmo era com a penetração. Mas descobri que essa pratica não era inferior. Aliais, em muitos casos era superior, porque varias mulheres só chegam lá recebendo estimulação clitoriana persistente e rítmica”, diz Ian.

 

Pergunta: O clitóris é tão sensível quanto os testículos?

Resposta: “O grau de sensibilidade não chega a ser igual aos dos testículos, mas é parecido com o do pênis”, esclarece Ian. O órgão feminino é similar, biologicamente falando, ao membro sexual masculino. “Os dois são feitos do mesmo tecido erétil”, explica Ian Kerner. E as semelhanças não param por aí. A mulher também tem grande, que protege a parte externa do clitóris. E, embora seja bem menor que a sua, possui o quádruplo de nervos – ou seja, origina sensações quatro vezes mais intensas!

 

Pergunta: Como estimular o botão do prazer para levar minha namorada às nuvens?

Resposta: Usando o ouvido. É isso mesmo. “A regra de ouro para satisfazer uma mulher é escuta-la”, garante o sexólogo. “Encare as preliminares como uma dança em que ela conduz os movimentos.” De que jeito? Deixando sua garota à vontade, principalmente se ela for tímida. Vale criar um clima à meia-luz, fazer perguntas entre sussurros e até sugerir que ela banque a professora, guiando sua mão lá embaixo. De qualquer forma, ser delicado nunca é demais. “Não precisa ter medo de encostar no clitóris, mas seja gentil. Quando perceber que sua mulher está bem excitada os beijos mais fortes estão liberados”, ensina Ian. Aqui vai um miniguia: primeiro, use três dedos (indicador, médio e anular) para pressionar a superfície do botão mágico e acaricia-lo em círculos. Na hora de começar a explosão, eleja o indicador ou médio para tocar grandes e pequenos lábios. Acaricie a parte interna das coxas, percorra a entrada da vagina – sem entrar. Então, de novo, estimule o ponto C com movimentos circulares. Dessa o dedo para a entrada da vagina e movimente-o como se estivesse fazendo carinho entre os olhos de um gato. Sexo oral também vai fazê-la ouvir os sinos. O ideal é que ela esteja deitada de costas, com as pernas separadas. Corra os dedos pelo púbis, chupe os lábios vaginais sem usar a língua. Depois do toque inicial, dê as primeiras lambidas no clitóris, longas e duradouras, como se ele fosse um sorvete. Sinta sua língua percorrendo a vulva e… Interrompa os movimentos. É o jogo do provoca e pára. Cada ciclo de estímulos deve durar aproximadamente dez segundos, repetidos durante três minutos. Só então dê o que ela pede: pressione levemente a ponta da língua sobre a cabeça do clitóris, como se fosse uma onda banhando-a. Continue por cinco segundos. Falando na “zona sul”, caricias no períneo, espaço situado entre o final da vagina e o ânus, e nos pequenos lábios são ótimos meios de deixar a namorada pedindo mais – e você feliz da vida. “A área se enche de sangue quando estimulada, o que aumenta o contato contra o pênis no momento da penetração. A conseqüência disso é que a abertura vaginal fica mais estreita, potencializando a excitação masculina.”

 

 

Pergunta: Qual a melhor posição para intensificar o orgasmo com a ajuda do ponto C?

Resposta: Duas delas atingem esse objetivo:  a mulher por cima e papai-e-mamãe. “Quando a garota estiver no controle, jogue os quadris para cima, pressionando seu osso púbico, bem na base do pênis, contra o clitóris. Então, o movimento dela naturalmente estimulará o órgão, sem que você tenha trabalho algum”, Instrui Ian. Se a opção for deixar a moça por baixo, tente penetra-la de ângulo mais alto, subindo o corpo para que a base do membro, novamente, toque a pérola mágica. “Essa variação permite penetração profunda. É importante focar na pressão, não na velocidade do vaivém”. Também vale estimular o ponto C com a mão enquanto a penetração na posição cachorrinho ou até na de colherzinha. Em tempo: se estiver cheio de amor para dar e quiser partir para um segundo roud, melhor esperar cinco ou dez minutos. “As mulheres precisam de mais tempo para que a zona genital volte ao normal. Nesse meio-tempo, retome outros carinhos, como beijos e abraços. Só não toque no clitóris, que estará muito sensível.”

 

Pergunta: muitas mulheres curtem vibradores: quanto maiores, mais excitam?

Resposta: Esses aparelhos proporcionam prazer por trepidarem de forma rítmica e constante – e não por causa do tamanho, como você poderia imaginar. “É a vibração que estimula as terminações nervosas”, garante o sexólogo. No entanto, vale o mesmo conselho para as caricias manuais: tire partido deste brinquedo erótico nas preliminares, mas comece aos poucos, com intensidade leve, e só vá aumentando à medida que o ponto C esteja preparado. Caso contrario, o prazer se torna irritante. Na hora de escolher o modelo, procure o que reúne mais benefícios. “Os melhores são os multifuncionais, como o Rabbit, um dos mais populares nos Estados Unidos. Ele tem uma pequena curva para cima que atinge o ponto G e um segundo eixo com um pequeno coelho que estimula o clitóris.”*

 

Bom, chegamos ao fim desta incrível jornada pelo clitóris, então rapazes pratiquem e garotas mostrem aos parceiros como tocar no seu “sino dourado”!

Ótima semana a todos e muito obrigada pelo apoio.

 

Freak Butterlfy.

 

*Fonte: Revista NOVA, Outubro de 2007, pág 180 a 183.

 

 

Os Mistérios do Ponto C – Parte 2

Desculpem a demora para perseguir com a matéria, mas antes tarde do que nunca.

Hoje vou com mais duas perguntas feitas a Ian Kerner sobre o Ponto C. E são elas:

1 – Ele garante orgasmo mais poderoso?

Resposta: Sim, o clitóris contém cerca de 8 mil terminações nervosas, mais estruturas fibrosas do que qualquer parte do corpo humano (feminino ou masculino) e interage com outros 15 mil nervos que irrigam a pelves. Precisa dizer mais? “A preliminar é o inicio do incêndio. No entanto, é no clitóris que o fogo levanta labaredas, acredite.” Ian conta que ativado, o órgão envia ao cérebro uma mensagem para irrigar a região. “Quando estimulado ao limite, faz as paredes vaginais se contraírem para expulsar parte do sangue. É nessa hora que acontece o orgasmo.”

2 – Ponto G e Ponto C são a mesma coisa?

Resposta: Sim. O ponto G, a raiz do clitóris, integra a mesma rede de prazer, só que se localiza internamente. A boa noticia é que ele pode fazer muuuito por você. Sua namorada fica tão extasiada e agradecida se estimula-lo que não medirá esforços para retribuir o agrado. Como alcança-lo? A melhor posição é a cachorrinho. “Assim, o pênis atinge o ponto G, que fica na parede superior da vagina, a mais ou menos 4 centímetros da entrada.” Indica Ian. Também dá para tocá-lo com a masturbação, penetrando-a com os dedos indicador e médio curvados para cima, como se estivesse chamando alguém, ao mesmo tempo que acaricia o clitóris com a língua. Acredite: ela vai uivar de desejo.*

Sim caros leitores, podem acreditar ela irá uivar, gemer, gritar de tanto prazer, e ficará muito grata por ter proporcionado a ela tamanha experiência que fica muito feliz em lhe retribuir, em numero gênero e grau.

Logo, mais uma parte da entrevista com Ian Kerner feita pela revista NOVA.

Pratiquem!

Freak Butterfly.

Os mistérios do ponto C – Parte 1

Desculpe pela falta de atualizações, ando tão corrida com inúmeros projetos e a faculdade, mas não me esqueço de vocês queridos leitores. Então resolvi colocar uma matéria, publicada pela revista nova do ano passado sobre o ponto C., mas o que seria o ponto C? Ponto C = clitóris.

Acho está matéria muito útil tanto para os homens ler, quanto para as mulheres, para que possam descobrir e desfrutar de seus corpos.

Atendendo a vários pedidos, Ian Kerner, sexólogo americano resolveu tirar as duvidas masculinas sobre o clitóris em uma entrevista exclusiva para a revista NOVA. Depois da matéria “Prova de Amor” na revista de março (2007), onde ele ensinou os rapazes como fazer um belo sexo oral, a revista recebeu inúmeros pedidos depois te tanto ser elogiado.

Dividi esta matéria em três partes, pois ela é realmente longa. Através das perguntas feitas por homens ao Ian Kerner, que eu chamaria de o Papa das lambidinhas, vamos decifrar certos mitos e mistérios do clitóris.

*Primeira pergunta: Qual o momento certo de tocar o clitóris?

NOVA: Nunca é pondo sua mão cheia de dedos nele logo de cara. Esse órgão supersensível possui uma complexa rede de terminações nervosas. “Por isso, se tocado da forma ou na hora erradas, provoca desconforto capaz de esfriar qualquer clima”, avisa o sexólogo. Não é a toa que esse gerador de prazer feminino vem protegido pela glande, uma espécie de capa que abriga a pequena saliência acima da vulva nos toques mais afoitos. Melhor reservar os carinhos fortes para quando a mulher estiver bem excitada. “A região vai ficando mais resistente à pressão e fricção à medida que é estimulada”. Saiba que o clitóris, assim como o pênis, endurece quando preliminares como beijos ardentes, carinhos nos seios (mesmo por cima da roupa) vão ficando quentes. E é nesse momento que ele fica louquinho por contato. Apesar de grande parte da ereção ser interna, é possível perceber algumas mudanças no exterior. “A cabeça incha, parecendo uma ervilha ou um micropênis”, diz o especialista. Dá inclusive para usar o botão mágico como um termômetro da satisfação: quando a mulher esta com tesão, ele se enche de sangue. Portanto, se estiver intumescido e avermelhado, é sinal de que suas caricias estão agradando. Trata-se de um indicador mais confiável que a lubrificação feminina – pois ela pode ocorrer sem haver estimulo sexual. “As secreções são maneiras de manter a vagina livre de bactérias. Elas não significam necessariamente que a mulher está louca para transar”, alerta Ian.

Três coisas que você deve saber sobre o clitóris que cem por cento dos homens precisam saber:

1º – Todo clímax começa ali – Esse órgão é o epicentro da diversão feminina, uma poderosa bomba atômica de prazer na qual nenhuma sensação passa despercebida.

2º – Tamanho não é documento – O clitóris mede até 9cm. “Porem, como um iceberg, boa parte não pode ser vista, pois está dentro do corpo”, explica Ian. A parte exposta varia de meio a 5cm. Grande ou pequeno proporciona a mesma satisfação. Isso porque o numero de terminações nervosas se mantém – cerca de 8 mil!

3º – E o seu orgasmo também depende dele – Quando intumescido, o clitóris ajuda a formar um arco na entrada da vagina, que aumenta a pressão contra o pênis. Viu? Estimula-lo é bom para você também!*

Bem queridos, por hoje é isto, amanha eu venho com mais uma duvida masculina e os esclarecimentos de Ian a vocês.

Freak Butterlfy

* Fonte: Revista NOVA, outubro de 2007Pag 180 a 183.

Relacionamentos: Sexo abaixo de zero

Você ama seu parceiro, mas percebeu que a intimidade de vocês anda esfriando a cada dia que passa? Você acha que o amor basta?

Esta enganada (o), só o amor não basta para uma relação seguir em frente, muitos não irão admitir, mas sexo é fundamental.

Seu relacionamento caiu na rotina e a cama parece mais o pólo norte, mude isto já! Não perca tempo pensando no que passou e pense no que poderão voltar a ter, veja algumas dicas para apimentar a relação e fazer a cama voltar a pegar fogo.

· Saia da rotina! Sabe o horário de almoço? Que tal almoçar seu parceiro (a). Convide-o para almoçar qualquer dia da semana, afinal temos duas horas de intervalo no trabalho, porque não dar uma escapadinha para um motel e almoçar por lá.

· No começo tudo é lindo, vocês se ligam a toda hora para dizer o quanto sentem a falta um do outro, mas o tempo passa e as ligações diminuem até que se vão, ligue para ele (a) quando menos esperar, diga que está com saudades e não vê a hora de encontrá-lo para cobrir de beijos.

· Beijos, com o tempo a paixão parece sumir dos beijos, uma pesquisa feita pela revista Men’s Health e NOVA, mostra que 13% das mulheres e 16% dos homens, sentem falta de beijos apaixonados que tinha no inicio da relação, então capriche, ao encontrar seu amor, aperte-o em um beijo profundo, molhado e quente, isso fará com que outras áreas acendam.

· Sabe aqueles horários em que a casa está silenciosa, vocês estão a sós ou as crianças estão dormindo? Porque não aproveitar para dar uma rapidinha? Sim, rapidinhas podem salvar relacionamentos, talvez a princípio elas não proporcionem satisfação garantida para as mulheres, mas depois de algumas, você irá desejar mais e mais, até porque um estudo britânico constatou que para as mulheres a relação ideal dura cerca de 3 a 13 minutos, mais do que isto ela poderá se sentir frustrada por não satisfazê-lo. Rapidinhas são para ambos tomar iniciativas. Uma dica para os homens e caprichar no sexo oral para que haja lubrificação, já que as preliminares serão puladas.

· Que tal os dois ir a um sex shop? Escolher novos brinquedos juntos alimentará as fantasias. E para àqueles que nunca foram, é hora de começar a freqüentar. E para os mais tímidos, há diversos sites na internet seguros e discretos como o www.sextoy.com.br

· Acordar e experimentar antes do café da manha um sexo oral é fantástico para ambos, quem não quer acordar assim?

· Mensagem de celular não é só para lembrá-lo de algo, mande durante o dia mensagens picantes, diga a ele que esta excitada ao recordar algo que fizeram juntos, fale de coisas que planeja fazer com ele quando chegar em casa… Este tipo de estimulo fará com que ele esqueça o happy hour com os amigos. Lembre-se, o mesmo serve para os homens.

· Programe um dia do sexo. Se você tem filhos peça ajuda para dos avós ou encontre uma babá. Surpreenda ela com uma programação surpresa, reserve um quarto no hotel, ou outro lugar especial, e se for em casa mesmo, cuide de preparar tudo, não deixe que só ela planeje coisas assim, tome iniciativa, alem de parecer romântico, um dia inteiro de sexo é o que todos os casais precisam ter.

· Mulheres não esperem por eles. Tomem iniciativa na relação. Sabe quando ele está de bobeira no computador, jogando vídeo-game ou assistindo TV? Vá até ele, comece uma massagem como quem não quer nada e então ataque, ajoelhe-se e capriche no sexo oral, ele vai delirar com esta sua iniciativa.

· Porque não sair do pijama convencional e usar uma lingerie mais sexy? Uma dica para os homens é comprar uma lingerie e mandar de presente para ela com um cartão abusado.

· Kama Sutra, baralho erótico, dados do amor e muitos outros joguinhos que poderão dar a vocês mais estímulos e diversão. Porque não sugerir uma prova Kama Sutra de quais posições conseguem fazer?

· Ela não gosta de filmes pornôs? Invista em filmes que tenham sexo no conteúdo, sugiro: Secretária, Lúcia e o Sexo, Entre o céu e o inferno, The notorious Bettie Page, E a sua mãe também, O libertino, Pecado Original entre outros.

Você pode achar que só o amor constrói, mas saiba que o sexo é o cimento que os une.

Não deixe que a relação caia na rotina.

Freak Butterlfy.

Segredos da China

Já que o país anda em ritmo de olimpíadas, que este ano acontece em Beijing, na China, nada melhor do que falar sobre o “Clã da Tigresa Branca”.

Que a cultura da China é milenar todos já sabemos, então saiba agora que desde a antiguidade, os chineses pregam que a sexualidade, quando usada do jeito certo, é uma poderosa fonte de vitalidade, plenitude, saúde e também imortalidade (tendo em vista que eles acreditam que o espírito viva para sempre).

Com base no Taoísmo, onde se deve equilibrar o ying e o yang, representados pela energia feminina e masculina. Esta doutrina, criada no século 6 antes de Cristo é o que inspirou o surgimento da sociedade secreta intitulada de “Tigresa Branca”.

Mas você deve estar se perguntando, o que seria a Tigresa Branca? Ela é uma mulher dedicada a disciplinados exercícios sexuais e espirituais. E pela primeira vez os segredos foram revelados, Hsi Lai teve o privilégio de estudar e registrar os ensinamentos para preservá-los, publicando no livro “Os Ensinamentos Sexuais da Tigresa Branca”, pela editora Aquária.

Sob a orientação de Madame Lin, a matriarca de uma linhagem de Tigresas ainda existente em Taiwan, as praticantes da arte. aprendem técnicas para absorver a energia sexual masculina, intensificar os orgasmos, restaurar a beleza, recriar a energia sexual da juventude e estimular os órgãos sexuais.

O livro mostra os “Três Tesouros do Taoísmo, que são ching (energia sexual), qi (energia vital) e o shen (consciência), que são segredos para despertar a terna juventude e a imortalidade, originada nas antigas práticas da Mãe Real do Oriente (Hsi Wang Um), passadas e refinadas pelos séculos a dentro para uma sociedade asiática que crê na ideologia feminina e sexual.

Para a Tigresa Branca atingir a iluminação sexual, ela conta com seu Dragão de Jade (protetor e amante com quem experimenta os ensinamentos mais avançados) e o Dragão Verde (seduzidos unicamente com o objetivo de praticar sexo).

Se você está curiosa para saber mais sobre esta arte milenar, veja algumas técnicas que você pode começar a praticar já.

· As Tigresas não são submissas aos homens, elas se acham auto-suficiente e sempre esperam mais de seus amantes;

· Para efervescer os hormônios, nada melhor do que um joguinho adolescente, relembrar quando começamos a namorar e os primeiros amassos com garotos. Recriar as sensações de um romance adolescente mudando sua própria percepção do ato de fazer amor e ver com olhos de quem busca apenas uma aventura sexual. A tigresa se veste bem e se exibe melhor ainda, ela brinca, provoca e estimula o homem, com muitos abraços, beijos, murmúrios, mão boba que deixaram qualquer um nervoso e excitado na época da adolescência. Neste encontro ela pula toda uma preliminar para chegar aos finalmente;

· Uma das lições mais importantes das chinesas desta linhagem é compreender profundamente o sexo oral. Para muitos o sexo oral é visto como uma submissão feminina, mas talvez o que ninguém tenha notado ainda, é que nós mulheres encontramos em nossa submissão a nossa força, pois se analisar o ato do sexo oral, nós é que estamos no controle da situação, é por nossos lábios que eles sentem um prazer imensurável. Quando a mulher leva o pênis à boca, o ato é um símbolo de controle sobre ele;

· Beijar é algo muito prazeroso, mas o que só as iniciadas aprendem é que um beijo profundo e apaixonado estimula todos os centros erógenos e ainda estimula a imaginação masculina. Veja como o beijo é representado nos ensinamentos. “Os lábios são como a entrada da vagina; a boca e a garganta como o interior” diz Lai. “A ponta da língua representa o clitóris e age como ele. A saliva é como a secreção sexual produzida pela vagina e, quando expelida, o sêmen do homem. Quando sentimos medo, a boca seca; quando sentimos excitação, ela produz saliva. Da mesma forma, a vagina tem suas secreções sexuais ressecadas quando a mulher sente medo e se inunda quando ela está excitada.”;

· Quer experimentar uma posição de intimidade? Então siga os seguintes passos: sente-se sobre a coxa direita do seu namorado, com o braço esquerdo em cima do ombro dele e o direito servindo de apoio. Peça para ele introduzir lentamente um dedo da mão esquerda na vagina e o indicador direito sobre o orifício anal (se você preferir, pode introduzir até a primeira articulação), ele deve se concentrar em beijar sua boca, acariciar os seios e excitar seu clitóris. Quando você atingir o clímax, peça para ele fazer movimentos circulares com os dedos sobre a vagina e o clitóris. Você que é homem e está lendo este artigo, pratique com sua namorada;

· Agora um joguinho que deve ser praticado somente com seu Dragão de Jade: a tigresa deita-se com a cabeça apoiada no travesseiro e um outro travesseiro é colocado sob as nádegas, de modo que a vagina esteja em uma boa posição para que ele se excite. O Dragão irá introduzir somente a primeira articulação do indicador. A tigresa irá movimentar os quadris na tentativa de que o dedo a penetre mais fundo, mas o Dragão não permitirá. Quando o Dragão sente que a mulher está molhada, ele posiciona seu corpo sobre o dela e coloca somente a cabeça do pênis dentro da vagina, apoiando-se com as duas mãos na cama. Mais uma vez ela se movimentará na tentativa de ser penetrada, e ele não permitirá. Segure os seios nas mãos como em uma concha e ofereça para o Dragão que deverá rodeá-los com a língua e suga-los. Quando perceber que ele está delirando de prazer, troque de posição. Posicione a vagina sob o rosto dele e envolva o pênis com a boca. Este seria a posição 69 com preliminares. O dragão dele abrir a vagina e com os lábios sugar, devagar, mas firmemente até que ambos cheguem ao ápice;

· Quer ter um orgasmo explosivo? Veja em 4 passos como as Tigresas Brancas chegam ao clímax de causar inveja até a uma atriz pornô. Primeiro, na hora H coloque a língua no palato superior (para quem não sabe, é o céu da boca). Segundo, repouse as mãos sobre a região dos ovários e empurre para baixo e para dentro, mantendo assim a energia por lá. Terceiro, contraia o ânus e concentre a atenção nos rins, imaginando assim que toda aquela força do desejo esta indo para o órgão. Quarto e ultimo, prenda a respiração durante todo o orgasmo e expire quando terminar, você sentirá o orgasmo mais intensificado do que nunca. Claro que isto requer um pouco de prática;

· Vamos praticar com o Dragão Verde? Bem, há um rito sexual de dominação entre a Tigresa Branca e seu Dragão Verde, o do sexo oral. Tente com seu namorado. Deite-se de costas na beira da cama ou da mesa ou então se incline para trás em uma cadeira ou poltrona. Abra bem as pernas e com os dedos afaste a área da vulva o máximo que puder. Peça para o parceiro introduzir o polegar na vagina e que segure seu bumbum com força com a outra mão para que possa erguer seus quadris até os lábios dele. Com a língua ele estimulara seu clitóris e você verá estrelas, outra dica dada é que ele passe o indicador em círculos sobre o clitóris lentamente enquanto introduz e retira a língua da entrada da vagina. Lembre-se, você está no comando, e só permita que ele pare quando você atingir o clímax total;

· Para concluir, leia os 5 mandamentos do sexo sublime. Primeiro, permanecer com parte das roupas para se criar uma expectativa. Segundo, ficar de joelhos e permitir que o homem veja o pênis entrar em sua boca, segundo a filosofia do cão, este estimulo visual é excitante para ambos. Terceiro, fazer sons sexuais e dizer frases picantes, nunca fique quieta, isto é importantíssimo. Quarto, use incensos e um perfume relaxante e gostoso. Quinto e ultimo, criar uma grande quantidade de saliva antes do sexo oral. Para isto as Tigresas bebem um pouco de leite de soja, que segundo a doutrina chinesa, aumenta a produção do liquido e deixa mais espesso e branco.

Bem, se você deseja conhecer mais das praticas e ensinamentos do Clã, leia o livro, ele deveria ser peça de cabeceira obrigatória para toda mulher que deseja alcançar o ápice sexual e acima de tudo estar de bem consigo mesma.

Vivamos pela eternidade e cuidemos de nossa juventude que vai além da idade.

Freak Butterlfy.

*Fontes: Revista NOVA, ano 36, nº 4, Abril de 2008 e livro Os ensinamentos sexuais da tigresa branca – Segredos das mestras Taoístas, por Hsi Lai, Editora Aquária.

*Imagem representativa de Hsi Wang Um.