RSS Feed

Protesto ou gozação?

Em épocas onde a estética das modelos entram em controvérsias e polêmicas, estilistas conceituados colocam sem suas passarelas modelos fora do estereótipo padronizado onde ossos ‘gritante’ se tornaram padrão de beleza.

A personagem Renata de “Viver a Vida”, em uma de suas consultas com a terapeuta, relata seu medo de engordar, e da pressão que sente de que o mundo exige que nós sejamos magras para ser-mos aceitas.

Como li hoje pela manha em um site (que não me recordo), até mesmo em editoriais, para modelos GG serem notadas de fato estão sempre posando para editoriais sensuais, com nudez ou pouca roupa, não se sabe se isso ocorre para serem realmente notadas ou se é para valorizar e mostrar que independente do ‘tamanho’ a sensualidade só depende de atitudes.

Mark Fast foi um dos estilistas que optou por colocar nas passarelas do London Fashion Week, modelos mais curvilíneas, ou seja, mulheres comuns, afinal, o mundo não é feito somente de pessoas magras, e a maioria das consumidoras são tamanho 42/44.

Já Karl Lagerfeld, novo estilista da Chanel, não pensa desta forma, segundo ele “Ninguém quer ver mulheres gordas. Essa revolução vem tudo das mães gordas que ficam na frente da televisão com um saco de batatas falando que mulheres magras são feias!”. Uma controvérsia já que o mesmo assinou um ensaio na mansão Chanel com a dançarina burlesca Miss Dirty Martini ao lado de Jane Smith interpretando Coco, para a revista V Magazine.

Depois de Mark Fast, foi a vez de Elena Miro que apresentou looks para mulheres com manequim maiores de 42 na Semana de Moda em Milão.

Realmente os distúrbios alimentares são sim causados pela pressão da mídia que sempre elege suas estrelas pela beleza que elas possuem, ou seja, seus corpos magros, a guerra da balança deve acabar, para o bem e a saúde de nossas crianças, pois cada vez mais cedo, meninas cultuam os atuais padrões de beleza. Se alimentar melhor deve ser para sua saúde, as curvas são conseqüências desta boa alimentação.

Não tenho nada contra as modelos, eu admiro muitas delas, porém exageros não é bom para nenhum lado.

Mas agora ficou uma questão no ar, a atitude de Karl Lagerfeld foi o que? Um protesto, ou uma gozação?

Poliana Zanini

Veja mais sobre o assunto em: http://msn.lilianpacce.com.br/tag/anorexia/

E mais: http://msn.lilianpacce.com.br/home/anna-wintour-forum-disturbios-alimentares/

About FreakButterfly

Que fique logo claro: não sou sexóloga (apesar de que gostaria muito), também não sou formada em psicologia, sou Bacharel e Adm. Com habilitação em Marketing e agora Bacharel em Jornalismo. Tenho este blog desde meados de 2008, onde comecei a escrever por mera diversão e distração do tédio e solidão que a cidade onde morava até então me proporcionava. Com o passar dos dias, o blog foi crescendo e a vontade de escrever também. Amo escrever e espero faze-lo bem! Não estou aqui para julgar, descriminar ou fazer apologia a qualquer coisa que seja, escrevo do que gosto para pessoas que gostam do mesmo que eu, e se o ofendi, sinto muito, mas basta fechar a pagina. No mais, volte sempre!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: