RSS Feed

Afrodisíacos e sua historia ao logo dos tempos

afrodisiacos

O termo afrodisíaco vem de Afrodite, a deusa do amor. São eles substancias ou alimentos que simbolizam fertilidade e também aumentam e estimulam o desejo sexual.

Para àqueles que pensam que afrodisíacos são mitos, está comprovado que existem substâncias que agem nos sentidos proporcionando bem-estar e relaxamento.

Se por um lado há ervas e alimentos que estimulam os desejos, por outro existe o anafrodisíacos, que age como antídoto, e a cânfora é considerada o antídoto universal de tratamentos homeopáticos (tratamento a base de produtos naturais) anulando todo efeito dos medicamentos.

Por séculos a humanidade se preocupa em melhorar a arte de amar, em varias historias de diversas civilizações, a busca por alimentos que estimulantes esta presente, e segue até nos dias atuais.

Vejamos algumas civilizações e seus truques afrodisíacos:

·                                   Grécia antiga: As cortesãs tinham por habito usar perfume de violeta sem suas zonas erógenas, pois quando misturado ao suor e as secreções de seus corpos, estimulavam os jovens a se excitarem, e os mais velhos a aliviar suas melancolias. Cleópatra, uma das maiores aventureiras sexuais, passava pasta de mel com amêndoas moídas em suas partes intimas para que seus amantes a lambessem. Fica ai uma dica para as mulheres estimularem seus parceiros na pratica do sexo oral;

·                                   Romanos: Estes acrescentaram em sua dieta alimentos gregos e órgãos de animais, além disto, comiam ostras, favas, pimenta amassada com semente de urtiga, cheiro verde e cogumelos. Os romanos costumavam apresentar em suas peças teatrais cenas eróticas e produzir jantares fartos dos quais serviam fígado de lúcio, miolos de pavão e língua de guará. Aqui não recomendo muita coisa, a não ser usar os temperos como pimenta vermelha, cogumelos, cheiro verde e claro as ostras;

·                                   Cristianismo: Foi quando o prazer se tornou um pecado para a igreja e os afrodisíacos eram pecaminosos e estavam ligados a magia negra. Então para melhorar o sexo, o amante medieval buscava de formas ilegais, utilizando ingredientes esdrúxulos à alimentação, como coração de sapo e gordura de vitimas de enforcamento, que refletia o sentimento de culpa associado ao prazer. Esta seria a época negra dos afrodisíacos;

·                                   Na Inglaterra: No reinado de Tudor, os estudos por afrodisíacos continuavam, além de agregar alimentos importados de outros países como o Peru, eles acrescentaram em sua dieta porcos, corças, carneiros, galinhas e salmão servidos em banquetes regado a molhos picantes. Porém, logo o Puritanismo se estabeleceu abolindo qualquer tipo de condimento que excitasse as paixões. Após a restauração da monarquia em 1660 no reinado de Stuart, os alimentos afrodisíacos retornaram a culinária;

·                                   Na França: No século XVIII (18), com o numero crescente de bordeis, a competição se dava pela variação de alimentos que chamavam a atenção dos clientes. Os pratos eram repletos de gengibre, pimenta e outros condimentos que elevavam a energia, ainda eram servidos folhados e o chocolate era abastecido com cantárida (mosca espanhola). Além dos alimentos, os bordeis disponham de porções, pílulas e perfumes estimulantes. A França até hoje é vista com o país que tem os melhores bordeis, chamados hoje por Cabaré, com shows burlescos que encantam todas as classes,

·                                   Entre os árabes: A obra do xeque Nefzawi, O jardim perfumado, podemos encontrar uma grande orientação sobre afrodisíacos.

·                                   Na Índia: Com 5 mil aos de civilização, os indianos possuem uma rica tradição sexual, transcrita em dois livros, Ananga Ranga e Kama Sutra. Além da culinária com aspargos cozidos, melado com leite e alcaçuz, arroz e ovo de pardal cozido com mel e leite. Segue um link com um livro moderno de Kama Sutra para vocês espiarem: (http://www.scribd.com/doc/2273544/ebook-portugues-guia-do-sexo-posicoes-do-kamasutra-intravenoso)

·                                   Na China: Vinda também de uma cultura milenar, para os chineses, o simbolismo sexual era muito importante. Todo alimento que representasse a forma da genitália masculina e feminina era acrescida na culinária, chifres de animais, plantas, cogumelos e claro ginseng, canela, algas, enxofre, pinhão, pepinos e fígado de vários animais que eram conhecidos com caráter predatório;

A escolha de alimentos é fundamental para um bom desempenho sexual, incluir na dieta frutos do mar, que é rica em fósforo, sal e micro elementos necessários ao nosso organismo. A vitamina E que é conhecida como a vitamina da fertilidade, que é encontrada no gérmen de trigo e alimentos que contém farinha de trigo. A carência desta vitamina pode levar até a esterilidade, à impotência e outros problemas sexuais.

O álcool se utilizado moderadamente, ajuda a eliminar as inibições e aumentar o fluxo sanguíneo inclusive do pênis, porém se em excesso, ele reduzirá a velocidade das reações nervosas e produzindo incapacidade sexual temporária.

Entre os humanos a atração começa pela visão e pelo olfato, nosso corpo exala feromônios e são eles que enviam a mensagem ao outro de que estamos afim de sexo, é como nos animais, é pelo cheiro o que macho identifica que a fêmea esta pronta para acasalar.

As prostitutas de Nápoles, Itália, eram conhecidas por esfregarem secreção vaginal atrás das orelhas para atrair fregueses. Dizem que este truque é usado até hoje.

Vejamos ainda alguns condimentos que você pode usar para apimentar seu paladar, e a cama:

·                                   Açafrão (no oriente ele é muito utilizado como estimulante);

·                                   Açafrão-da-índia;

·                                   Alcaparra;

·                                   Anis;

·                                   Baunilha;

·                                   Borragem;

·                                   Canela (dizem que passar canela em pó em áreas erógenas do corpo chama atenção);

·                                   Cardamomo.

 

Algumas substâncias:

·                                   Marapuana;

·                                   Catuaba;

·                                   Guaraná;

·                                   Ginseng;

·                                   Alho;

·                                   Cebola;

·                                   Gergelim;

·                                   Tahine.

 

Carnes Diferentes:

·                                   Testículos;

·                                   Fígado e rim;

·                                   Tartaruga (mas não apoio);

·                                   Caracol (criados em cativeiro exclusivamente para alimentação);

·                                   Rãs (também criadas em cativeiro para alimentação).

Frutos do Mar:

·                                   Abalone (muito utilizado na cozinha chinesa e japonesa);

·                                   Amêijoa e Mechilhões;

·                                   Vieira;

·                                   Lula e polvo;

·                                   Camarão, lagostim, caranguejo, lagosta e outros crustáceos;

·                                   Ouriço-do-mar (considerado mais afrodisíaco do que as ostras);

·                                   Ostras.

 

Bebidas:

·                                   Café;

·                                   Chá;

·                                   Chocolate;

·                                   Mel (riquíssimo em vitaminas R, C e minerais do pólen, estimula a produção de hormônios sexuais);

·                                   Absinto (considerado muito afrodisíaco, teve a fabricação proibida por seus efeitos altamente tóxicos).

 

O que se pode concluir é, que além de vários produtos serem afrodisíacos e melhorar o desempenho sexual, eles ainda são bons para a saúde física e mental do ser humano. Algumas coisas são medievais, e não recomendo que façam, porém outras, como condimentos, alguns alimentos e bebidas podem ser acrescentados na sua vida, e também em um jantarzinho a dois.

Para que os leitores se animem a cozinhar algo esta noite para seus parceiros, deixo aqui um link de receitas afrodisíacas.

Bom apetite!

 

Freak Butterfly (Poliana S. Zanini)

 

·                                    Fonte: O Livro de Ouro do Sexo (Regina Navaro Lins e Flávio Braga)

·                                    Site: www.google.com e google imagens*

·                                    Site: http://www.gastronomias.com/afrodisiacas/

·              Site: http://www.scribd.com/doc/2273544/ebook-portugues-guia-do-sexo-posicoes-do-kamasutra-intravenoso

 

About FreakButterfly

Que fique logo claro: não sou sexóloga (apesar de que gostaria muito), também não sou formada em psicologia, sou Bacharel e Adm. Com habilitação em Marketing e agora Bacharel em Jornalismo. Tenho este blog desde meados de 2008, onde comecei a escrever por mera diversão e distração do tédio e solidão que a cidade onde morava até então me proporcionava. Com o passar dos dias, o blog foi crescendo e a vontade de escrever também. Amo escrever e espero faze-lo bem! Não estou aqui para julgar, descriminar ou fazer apologia a qualquer coisa que seja, escrevo do que gosto para pessoas que gostam do mesmo que eu, e se o ofendi, sinto muito, mas basta fechar a pagina. No mais, volte sempre!

One response »

  1. Adorei super interesante sempre e bom saber um pouco de culinaria afrodisiacas abraços a todos

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: