RSS Feed

Os dedinhos também fazem milagres!

Uma pesquisa feita pela Universidade de Liverpool, Inglaterra, revelou de se o dedo anular de um homem for maior do que o indicador, ele tem um nível de testosterona mais alto que o normal e o nível de libido bem maior, então moças, olho nas mãos!

Bem mulheres, aqui vão alguns truques para vocês deixarem seus parceiros nas mãos.

1) Lamba os dedos do seu parceiro lambuzando-os sensualmente e depois conduza a mão dele até a região genital;

2) Enquanto o beija, acaricie delicadamente os lábios dele usando seus dedos;

3) Acaricie-se na frente dele, não sinta vergonha, deixe que ele a veja se tocando;

4) Pinte as unhas de vermelho (isto é um fetiche para a grande maioria), deslize as unhas pelo corpo dele delicadamente e sinta os arrepios;

5) Que tal “pintar o 7”? Pegue tinta não tóxica e lavável e brinquem de pintores, assam obras em seus corpos, marquem também os pontos que mais lhes dão prazer;

6) Uma massagem sensual e prática: Primeiro, esfregue a palma das mãos. Assim, você aquece e energiza. Toque todo o corpo do seu parceiro com as pontas dos dedos, fazendo pequenos círculos e movimentos suaves atrás das orelhas, nas pálpebras, na parte superior e inferior dos olhos, na parte interna das coxas, atrás dos joelhos… E enfim ele irá suplicar por mais, então esfregue um pouco de óleo nas pontas dos dedos e recomece a partir do umbigo, subindo pelo peito e descendo pelos ombros e braços. Pode apostar, ele irá ficar seguro em suas mãos e não vai querer largá-las;

7) Depois de uma massagem desta, o fato será consumado mais que depressa, e depois do seu parceiro gozar, refresque-o na cama. Peça que deite de bruço, embebede uma toalha com água morna e acaricie as costas dele, além de relaxante é excitante. Com certeza ele irá pedir bis.

O mesmo serve para os homens praticarem em suas parceiras. Nada do que um toque de imaginação para apimentar sempre as coisas.

Não deixe que tudo caia na rotina, o tempero é o que da calor na vida. Apimente!

Boas obras,

Freak butterlfy.

P.S. – Gostaria de entender porque grande parte das pesquisas sexuais são realizadas por Universidades inglesas. Os ingleses me parecem tão corretos e puritanos, estaria me equivocando ao afirmar isto?

About FreakButterfly

Que fique logo claro: não sou sexóloga (apesar de que gostaria muito), também não sou formada em psicologia, sou Bacharel e Adm. Com habilitação em Marketing e agora Bacharel em Jornalismo. Tenho este blog desde meados de 2008, onde comecei a escrever por mera diversão e distração do tédio e solidão que a cidade onde morava até então me proporcionava. Com o passar dos dias, o blog foi crescendo e a vontade de escrever também. Amo escrever e espero faze-lo bem! Não estou aqui para julgar, descriminar ou fazer apologia a qualquer coisa que seja, escrevo do que gosto para pessoas que gostam do mesmo que eu, e se o ofendi, sinto muito, mas basta fechar a pagina. No mais, volte sempre!

2 responses »

  1. Pingback: Tabus: Masturbação Feminina II « Freakbutterfly’s World

  2. Pingback: Descobertas através do ‘Sexo verbal’ II « Freakbutterfly’s World

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: